Pular para o conteúdo principal

Ciclismo no combate à obesidade

A obesidade vem crescendo de forma rápida em todo o mundo, sendo considerado por alguns como a nova epidemia mundial. Uma alimentação baseada em alimentos industrializados e um estilo de vida sedentário são as maiores causas desse problema. 


Para fugir da obesidade é importante combinar uma alimentação saudável com a prática de atividades físicas, com destaque para o ciclismo por sua facilidade e acessibilidade.
O aumento do poder aquisitivo deixa muitos brasileiros mais perto da obesidade. Isso ocorre devido ao maior acesso a alimentos muito calóricos e pouco nutritivos, além do aumento da compra dos veículos automotores que diminui as já tão curtas caminhadas diárias para cumprir compromissos rotineiros. Não é raro ver pessoas jovens que já sentem o peso desse estilo de vida e tentam buscar mais momentos de lazer e bem-estar e acabam se apaixonando pelo ciclismo.

Ciclismo no combate à obesidade

A obesidade surge quando o consumo de calorias é maior do que a sua queima, ou seja, alimentação rica em calorias misturada com sedentarismo. Hipertensão, problemas cardiovasculares e diabetes são apenas alguns dos riscos do sobrepeso. Além do número na balança é importante observar como o peso está distribuído pelo corpo, visto que o acúmulo de gordura do abdômen é um grande sinal de risco de doenças associadas à obesidade.
Seja para tratar ou para prevenir a obesidade, é preciso se alimentar de forma saudável e incluir a prática de atividade física na rotina. O ciclismo é um grande aliado nesse momento. Pedalar é uma atividade indicada para pessoas de todas as idades e é indicado no combate à obesidade, pois atua no metabolismo 
aeróbico, quando a gordura é utilizada como fonte de energia após um certo tempo de exercício.
Além disso, pedalar é uma ótima forma de ter mais contato com a natureza, pegar sol e fazer novas amizades. A prática apresenta baixo impacto nas articulações, protegendo joelhos e coluna. Basta observar a postura, escolher uma bike adequada para sua altura e peso e um tênis de qualidade que a atividade física será segura e benéfica. Para maior segurança, procure ajuda de profissionais qualificados e mantenha os seus exames de saúde sempre em dia.
Procure incluir o ciclismo na sua rotina pelo menos três vezes por semana. Para criar o hábito de pedalar, defina metas que você com certeza pode alcançar e, com o tempo, aumente seus desafios de acordo com a evolução do seu organismo. Defina dias e horários que não vão colidir com outros compromissos, dessa forma, você evita deixar o ciclismo para depois. É melhor começar com meia hora por dia e manter a frequência do que se propor a pedalar durante duas horas, mas só conseguir fazer isso uma vez por mês.

O que esperar do ciclismo

  • Redução dos triglicerídeos, ou seja, menores chances de desenvolver problemas cardiovasculares
  • Melhora no equilíbrio e no condicionamento físico
  • Redução do peso corporal
  • Mais qualidade de sono
  • Redução da pressão arterial
  • Mais qualidade de vida e aumento da autoestima

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça as principais rotas de bike pela Europa

Já conhece os melhores locais para pedalar na sua cidade? Parques, trilhas e ciclovias? Então que tal explorar as principais rotas de bike pela Europa? É previsto que todo o continente esteja ligado por ciclovias até 2020. Mas não é preciso esperar tanto tempo. Muitos países europeus já contam com várias opções de rotas prontas para serem exploradas. Então confira a lista a seguir e comece a planejar o seu roteiro.

Rotas para pedalar pela Europa

Holanda - Amsterdã


São mais de 400 quilômetros de ciclovias. O primeiro lugar dessa lista só poderia ser de Amsterdã, conhecida como o paraíso ciclista com toda a razão. Você pode conhecer a cidade toda pedalando. O terreno é plano e ideal até mesmo para ciclistas iniciantes. Vale explorar museus e toda a vida cultural da cidade.

França - Região de Provença

Estradas vazias, degustação de vinhos, campos de lavanda. Só falta você e sua bike nessa paisagem, não é mesmo? Essa rota une belas paisagens e muitos momentos de paz em contato com a natur…

Como a bicicleta pode tirar crianças do sedentarismo

A falta de exercícios físicos pode ser muito prejudicial à saúde em qualquer idade, até mesmo para crianças que já são naturalmente mais ativas. No entanto, vale destacar que atividade física é diferente de exercício físico. O primeiro termo se refere a qualquer movimento feito pelo corpo humano que gaste energia, como tarefas simples do dia a dia, por exemplo: subir escadas, andar até a escola e brincar durante o recreio.

Saiba quais são as ciclovias mais bonitas do mundo

Uma das maiores vantagens de pedalar é poder apreciar belas paisagens. Mais do que um meio de transporte, o ciclismo é um estilo de vida. Em um mundo com tantas responsabilidades e a constante sensação de que não sobra tempo livre, fica cada vez mais importante investir em qualidade de vida. E ter uma bike é uma forma divertida e econômica para curtir mais a vida. Se você é apaixonado por pedalar, então confira essa lista e saiba quais ciclovias você precisa conhecer.

As ciclovias mais bonitas do mundo

- Ciclovia do rio Reno
Você pode conhecer quatro países pedalando 1.200 km em um terreno plano e acessível. Suíça, Alemanha, Holanda e França. O percurso ao lado do rio Reno é um dos favoritos de ciclistas apaixonados por natureza e história.

- The Van Gogh-Roosegaarde
A ciclovia, localizada na Holanda, absorve a energia solar durante o dia e libera luz durante a noite, iluminando o caminho dos ciclistas. A tecnologia utilizada se chama Starpath, que significa caminho das estrelas. O pro…